domingo, julho 18, 2010

Se hoje eu fosse



Se hoje eu fosse um sonho, eu vestiria esse vestido vermelho, calçaria aquelas sandálias de brilhantes pretas, ergueria minha cabeça, daria um passo em frente e sairia para conquistar o amor, esse que está escondido e fechado a sete chaves, chegaria de sorriso dócil e olhar sedutor com a certeza de que uma única chave chegaria para abrir a porta, sim sei que não seria assim tão fácil, é difícil renderes-te e entregares-te as barreiras permanecem, mas hoje sei que as quebraria, porque seria sonho e sonho tem permissão para tudo, mesmo que resistisses inicialmente eu te pediria tempo, não mais que esta noite, porque sou sonho e logo irei despertar, mas traria-te comigo para a realidade, solto, livre, disposto a ser e a sentir, sei que irias gostar de vir, afinal já te conheço um pouco, não ouso em dizer muito, podes querer contestar, mas não te darei oportunidade, apenas irei para te conquistar, abrir a porta e arrebatar-te para um novo mundo, chamado felicidade, aceitas?! Não precisas responder, porque eu sei que sim, tudo é possível no sonho...
Se hoje eu fosse um sentimento seria arrependimento.
Se hoje eu fosse uma lembrança seria saudade.
Mas como sou apenas sonho, hoje estou disposta apenas a conquistar a felicidade.

segunda-feira, julho 05, 2010